19 de agosto de 2010

em lugar de Nomes

meu peito aberto cheio de nós
é mistura de pronomes sós
espera um dia esticar-se melhor
caber eu e você lado a lado maior


Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro.
Leonardo da Vinci

4 comentários:

Isaque Viana disse...

É.

Hélio disse...

Na minha grande extensão de peito, juntamente com ombro e costas, consigo levemente te cobrir em mim! Ter que aproveitar segundos com você como se fossem os últimos, ter q contar os milésimos para ver ou ir à sua chegada, é intensamente diferente de tudo que seguiu comigo na vida. Só agradeço por ter encontrado minha pessoa - amor!
Bju du seu gato..
tE adoroO!!

;)

Ceisa Martins disse...

Tão lindo!
Estar assim é tão bom!
Sentir isso é tão justo!
E esse seu texto me lembrou uma música do Teatro Mágico!

"Quando começar o frio, dentro de nós
Tudo em volta parece tão quieto
Tudo em volta não parece perto
Toda volta parece o mais certo
Certo é estar perto sem estar
Perto de você, sou tão perto de você, sou tão perto de você

Quando o tempo não passar, dentro de nós
Cada hora é como uma semana
Cada novo alô é mais bacana
Cada carta que eu nunca recebo
É sempre um motivo pra lembrar
Sou tão perto de você..."


Beijos!

Renata de Aragão Lopes disse...

"meu peito aberto cheio de nós
é mistura de pronomes sós"

Lindo!

Beijo,
Doce de Lira